Plataforma Moodle

powered_by.png

Entrada - Página principal seta Contexto hist.-geo.
Contexto histórico-geográfico PDF Imprimir e-mail
Escrito por Luís Santos   
19-Jun-2009

A vila de Cercal do Alentejo situa-se no Litoral Alentejano, no Distrito de Setúbal, insere-se no Concelho e Comarca de Santiago do Cacém e pertence à Diocese de Beja. Localiza-se a 26 km de Sines, a 14 km de Vila Nova de Milfontes, a 27 km de Odemira, a 28 km da sede de Concelho, Santiago do Cacém, e a 150 km de Setúbal.

Para o nome Cercal existem três justificações: duas históricas e uma de origem popular.As justificações históricas mostram que a palavra Cercal deriva de "cercar", derivando esta do latim "quercalu", que significa carvalho. Tal designação deve-se possivelmente à abundância dessas árvores nesta região, em épocas remotas. Outra explicação é o facto de existirem, no século XIX, pequenas explorações agrícolas familiares, por vezes não atingindo sequer um hectare. Cercadas por valadas de canas, silveiras, aroeiras e piteiras que protegiam as culturas dos ventos marítimos, estas explorações denominavam-se "cercas". A versão popular refere que, em tempos, se verificava a extracção de cal na zona, facto que poderá estar na origem do nome da povoação.

O povoamento desta área é muito antigo, como comprovam os objectos e vestígios da presença de povos pré-
-históricos, romanos e árabes (sepulturas em ardósia, escórias metálicas, ...).

Em termos históricos, o documento mais antigo conhecido que faz referência a Cercal do Alentejo data de 1274.

Foi em 1875 que a Freguesia de Cercal do Alentejo passou para o Concelho de Santiago do Cacém, situação que se mantém até à actualidade.

(extraído do Projecto Educativo 2005/08)

Actualizado em ( 19-Jun-2009 )
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
© 2021 AGV de Escolas de Cercal do Alentejo
Joomla! é um software livre disponibilizado sob licença GNU/GPL.